My Au Pair Journey

Ga Lynxi in New Jersey

Archive for janeiro, 2012

Eating

5 Comments »

janeiro 31st, 2012 Posted 20:33

Hahahaha eu SEI que já fiz dois posts sobre comida aqui, mas é que na sexta comemorei o aniversário de uma amiga sueca, a Frida, e comemos um swedish cake, “gräddtårta”, que deveria ter alguma fruta tipo morangos ou bananas por cima da cobertura, mas assim tava uma delícia!!! E ela fez uma versão sueca de brigadeiro, que eu ainda não achei o nome, e nossa, aquilo era bom! Era tipo um brigadeiro beeeem mole e aerado!!!! Nham nham!!!!!

Olha as fotos:

Só para vocês darem risada, quando falo que meu português tá piorando muitooooo, eu esqueci a letra de “Parabéns para você”!!!!

Dá uma olhada no vexame:

 

E, ah, to sem criatividade T.T

Não tem muita coisa acontecendo, tirando o fato de que tenho comido muitas coisas gostosas com amigas muito legais por aqui =D

Bom, se quiser ver o Interesting Facts #3, tá aqui ó:

 

 

E é isso, quando o blog voltar a ter comentários (só a linda Tha comentou, e ela nem está mais no Brasil, de férias!!!! me abandonaram do lado de lá hein?), volto a postar mais!!!

 

Bjks!

Posted in Sem categoria

Snow tubing + Interesting Facts #2

2 Comments »

janeiro 23rd, 2012 Posted 00:15

Como já dizia o Jafar, se preparem! O post pode ou não ser bastante longo!

Bom, hoje foi o dia do meeting de au pairs aqui da região, e a atividade escolhida da vez foi… Snow Tubing! Eu confirmei com minha coordenadora, se eu morresse, a responsabilidade seria da agência, e por precaução levei o seguro saúde na carteira e mostrei ao meu host dad antes de sair onde encontrá-lo, em caso de necessidade. Nunca se sabe, não é mesmo?

Ah, sim, meu host dad e o Bobby foram comigo!

Você, como eu estava, deve estar se perguntando, ok, eu sei o que é ski, snow board e guerra de bola de neve, mas o que raios é snow tubing? Você entra num tubo cheio de neve e morre congelado? Você pega uma daquela salsichas de piscina e leva para neve? Você…? Bom, deixa eu explicar: Você pega um donut de ar, tipo aqueles que tem no wet’n’wild, se você é de São Paulo, e daí eles “guincham” você sentada na boia montanha acima, e dai você desce de barriga na boia, a montanha toda cheia de neve, e tudo é muito frio, e rápido, e tem neve na sua cara!!! Hahahah falando assim parece um bocado aterrorizante – e em teoria é mesmo – mas fazendo, eu ADOREI! Fui umas 5, 6 vezes e só não fui mais porque não sentia minha pernas, braços, mãos nem nariz… Hahaha hora do chocolate quente, né?

O mais legal foi que o Bobby estava comigo e minhas amigas estava comigo e… a neve estava comigo!!!

Dá uma olhada nas fotos!

 

E se você acha que as fotos não mostram muito bem o que é o snow tubing, eu digo: você está correto! Para saber o que é snow tubing, sugiro que você veja esses três vídeos, na devida ordem! E aviso, estão em inglês, eu iria usá-los como o Interesting Facts #2…

 

 

 

 

E se você ainda tem pique, eu também coloquei no Youtube o Interesting Facts #2 que é sobre como eu sobrevivi ao snow tubing (e no final, se a digníssima Alana e a dona Bombs forem ver, tem um recadinho para elas!)… e lembre-se essa série é para meu inglês, então se você puder comentar o inglês ia ser muito legal! =D E se tiver sugestão de temas também não seria nada mau!

Bom, acho que por hoje já deu, né?

Bjks!

Posted in Sem categoria

SOPA e PIPA

3 Comments »

janeiro 20th, 2012 Posted 11:34

Pois é, como boa FFLCHenta não me aguentei e tive que vir aqui por os meus “two cents” sobre a questão.

Não sabe do que to falando? SOPA e PIPA são duas siglas de projetos de lei aqui dos EUA que, até onde eu entendi, irão iniciar a 3a Guerra Mundial. E eu pretendo me alistar! Segue o que está rolando no Facebook, bem mastigadinho:

Pois então, o que isso significa?

Significa que, afinal, estavam certos: 2012 é mesmo o fim do mundo. Pelo menos como o conhecemos. Imagine um mundo sem Google, Wikipedia, Yahoo Answers… Que tipo de enciclopédia poderia ter seu conteúdo atualizado segundo a segundo? Imagine um mundo sem fóruns de discussão… Poxa, eu não teria metade dos amigos potterianos e gleeks que tenho sem fóruns! Agora imagina sem Megaupload e Rapidshare, como eu vou mandar as 42974500 milhões de fotos que estou tirando por aqui para vocês por email? Aliás, imagine seus email vigiados! Pois é, não gostou? Eu menos ainda.

Esses projetos de lei visam proteger a integridade itelectual, ou seja, barrar a pirataria. Eu acho que estão certos sim, se você vai lá, faz um filme, uma música, uma série de TV tem que receber por isso. Hipocrisia, você diz, porque eu baixava TUDO no Brasil, certo? Sim, baixava sim. De torrent, megaupload, sites, fóruns. Exatamente um monte de coisa que eles querem bloquear. MAS desde que cheguei nos EUA se baixei 3 filme e uma série (antiga) foi muito. Sabe por que? Bom, primeiro porque dizem que o FBI vem bater na sua porta se você faz downloads ilegais, e imagina meu medo. Segundo, porque não preciso. Ãhn, como assim? Bom, aqui, as séries de TV passam “em tempo real”, não preciso esperar quase um ano para a FOX Brasil liberar a nova temporada de Glee, eu vejo exatamente quando era para ver. E se eu não estiver em casa, os prime time shows vão logo para o free on demand, ou seja, eu posso assistir de graça a hora que quiser, quantas vezes quiser, na minha própria TV, pela minha TV a cabo. OU, se não for um prime time show, adivinha? Eu posso entrar no site da emissora e em questão de 1-3 dias, tá lá bonitoso o episódio para eu assistir… Os filmes saem do cinema e viram DVD em questão de 2, 3 meses. E menos de um mês depois disso, tem um negócio que chama Netflix que você paga uma mixaria por mês e aluga quantos filmes quiser, entregues e retirados na sua casa pelo correio (a Blockbuster tá tentando também, aí no Brasil, né?)… Itunes é bem baratinho para músicas de Glee e Sing-off… Para quê eu ia gastar meu disco rígido, meu tempo e minha conexão de internet com torrent, Brasil?

Aí é que está. O problema da pirataria não está em ser consumida nos EUA, mas no resto do mundo. Claro, tem sempre gente que baixa aqui também, que não tem TV a cabo, o escambau. Mas então porque a lei surgiu aqui? Porque aqui está a fonte de praticamente toda a matéria prima! Daí, nós nos ferramos legal – no mundo todo.

“Tá, Gabriela, e daí, bela explicação, mas o que você sugere?” Eu sugiro voltar no tempo e olhar para o Itunes: diziam que NUNCA as pessoas pagariam por músicas que podem ter de graça na Internet. E o Itunes está firme e forte, vendendo maravilhas. Sim, ainda há pirataria, mas muita gente prefere pagar e dar ao artista a parte justa e baixar no Itunes do que arriscar pegar vírus, ficar sem internet, ter que achar um site de downloads que não exija cadastro, etc… Então porque eu baixava as coisas no Brasil? Olha, se eu pudesse assistir no conforto da minha TV, eu preferiria. Mas… COMO que eu ia esperar um ano para ver o episódio novo de Glee, que está toda a internet comentando, e portanto eu seria implodida por spoilers, nem precisando ver o bendito episódio para saber o que aconteceu? No mundo globalizado da internet, eu acho sinceramente que a única solução é disponibilizar esses conteúdos para venda UP-TO-DATE, asap, para o mundo todo.

Essa semana mesmo me pediram Parenthood, a terceira temporada aí no Brasil. Eu estou acompanhando, assisto cada episódio uma média de 3 vezes (na TV, no on demand e no pc), e daí percebi que nem tinha os downloas da série para mandar. Má ôe? Pois é! Eu simplesmente não preciso. E se essa pessoa no Brasil tivesse acesso ao site do seriado, ela também não precisaria. Ok, espere um ano para dublar (eca) ou legendar, mas na versão original, porque não disponibilizar no dia seguinte pelo site não só para os EUA como para o mundo todo? Ok, cobre uns dólares, mas disponibilize. É melhor do que pagar a conta da pirataria. Ou da liberdade.

Não sou ingênua o suficiente para acreditar que isso eliminaria a pirataria 100%, mas que resolveria GRANDE parte do problema, acredito que resolveria sim… Melhor do que iniciar uma 3a Guerra Mundial (anota aí, to falando que se isso não parar, a merda vai sair do ventilador e vai para a usina nuclear)…

Anyway, hope to see you soon com um post menos sério!

Posted in Sem categoria

Video blogging – Interesting Facts

5 Comments »

janeiro 13th, 2012 Posted 12:11

Hey, I know I know, this is in English… But, it’s just because this new thing I started – video blogging – is going to be in English…

So, if you wanna check it out, my Intro video is up – please comment on the video (in the youtube link bellow) and vote on the poll here!

 

–Hey, eu sei, eu sei, está em inglês… Mas, é porque eu comecei um video blog, só que ele estará todo em inglês. O blog continua majoritariamente em português…

Então, se você quiser saber mais sobre essa história, entra no link abaixo e você verá a Introdução disso tudo. Comente lá no vídeo e vote abaixo!–

 

Intro link: http://www.youtube.com/watch?v=snzDpDgqMvg&feature=youtu.be

If you have any suggestions, feel free to tell me – either here on the youtube channel, even on Facebook or Twitter (links on your left)…

Hope to hear from you soon!

 

XOXO,

Gabi.

Posted in Sem categoria

Aniversário

2 Comments »

janeiro 12th, 2012 Posted 21:13

Bom, amanhã, 13-01, é aniversário de uma menina muito especial pra mim que ficou aí no Brasil…

É uma daquelas pessoas que entra de fininho na nossa vida e vai ficando…. ficando… e quando a gente vê é parte muito importante de quem somos, e não dá para imaginar um grupo sem ela…

Maira, quem diria que a viagem da Mini Onu renderia uma amizade dessas?

Você nunca esquece de me ligar, e é sempre a maior motivadora de todos os nossos planos…

Não tem ideia de como é importante na minha vida, e de como tenho orgulho de ter alguém como você como amiga… (Para quem não sabe, já formou em Ciências Sociais, e vai terminar Física =D)

Não deixe de ser a menina maravilhosa que você é… a menos que queira aparecer em mais fotos, lógico…

Falando em fotos… Lembra quando você ia viajar e fomos ao karaokê? Eu lembro!

Queria falar muito mais, mas fica tão difícil às vezes, fica até repetitivo!!!!

Lembre-se, então, que te amo demais e te desejo um ótimo aniversário, cheio de brigadeiro!!!!!!

 

Bjks!

Posted in Sem categoria

Balanço 2011

5 Comments »

janeiro 8th, 2012 Posted 16:25

Pois como prometido, vim fazer um balanço do ano que passou… E ainda bem que esperei, pois posso colocar as coisas até o último dia do ano!!!

Vamos do começo então, 2011 foi o ano em que:

– Dei carona todo dia que fui à USP para o irmão da Fada, Victor!;

– Resolvi os últimos detalhes da viagem de au pair e esperei muitoooo;

– Engordei um bocado enquanto esperava;

– Fui à formatura da Fada e me emocionei ao perceber que nós continuamos crescendo (quero um botão de pause!);

– Me aproximei de algumas pessoas especiais (oi Paty!);

– Fiz meu primeiro piquenique (antes de embarcar, na sala lá de casa);

– Deixei minhas amigas fazerem minha mala para mim;

– Ameacei os namorados de umas amigas para cuidarem bem delas (desculpa aí Deisi, Tha, Lu e cia limitada!);

– Viajei para os EUA!

– Vi New York, New Jersey, Boston, Miami, Key West, Baltimore, D.C., Virginia, Pennsylvania;

– Fiz amigas incríveis, que são tantas que não vale dar nome aos bois e esquecer de algumas;

– Sinto que fortaleci laços com amigas que deixei no Brasil, e também com minha família;

– Fui à Broadway 4 vezes (só? T.T);

– Fui ao Central Park;

– Fui ao Smithsonian;

– Vi neve pela primeira vez ao vivo;

– Patinei no gelo!;

– Entendi que Halloween dos filmes americanos não é cenografia, é aquilo mesmo!;

– Aprendi a pedir sempre small para comidas e roupas… SEMPRE! (e mesmo assim ainda é grande, principalmente as comidas);

– Descobri que odeio muito muito me despedir das pessoas que eu amo;

– Não sei se fiquei mais paranoica com organização e planejamento (datas, o que e como fazer – não arrumar meu quarto, relaxem) ou se finalmente me aceitei totalmente freak;

– Assumi com todas as letras e sem medo: ODEIO balada. #Prontofalei. Odeio mesmo. Barzinho, to dentro, mas balada nem me chama (ok, chama para eu não me sentir excluída!);

– Passei meu primeiro Natal e Ano Novo longe da minha família. E digo que, embora o primeiro SUCK e eu nunca mais quero Natal sem bacalhau da minha mãe, o segundo foi muito muito muito divertido!!! (mesmo sem fogos);

– Descobri que brasileiro é muito supersticioso. Eu inclusa. Mesmo rindo da maioria das coisas, ainda comprei calcinha nova para o ano novo (nada de branco, estava FRIO), não dei parabéns a ninguém antes da data, e mesmo que fosse só birra, queria muito ter pulado 7 ondinhas na virada de ano!;

– Descobri que sou mais independente do que imaginava. E mais carente também. E um bocado contraditória;

– Aceitei que sempre vou poder ser palhaça de circo e, quem sabe um dia, fazer meu próprio stand-up, já que não importa a língua, sempre riem de mim (e comigo também);

– Descobri que tenho um lado extremamente materno com as pessoas que amo. Quero vê-las sempre bem, felizes, saudáveis, e me mordo quando não posso estar mais próxima e abraçá-las;

– Tirei um certificado de inglês que queria muito e estudei psicologia!;

– Aprendi a viver com um cachorro;

– Me apaixonei por um certo menino de 7 anos, e quero levá-lo comigo de volta;

– Li 66 livros, só 3 repetidos…;

– Provei comidas novas e estou aprendendo a comer pelo menos um pouco de salada e legumes;

– Descobri que é possível sim emagrecer na terra do fast-food!;

– Pela primeira vez na minha vida, reprovei todas as matérias na USP (culpa deles, que não trancaram minha matrícula!!!!!);

– Fui chamada de maconheira por algo que nem tinha como ter participado;

– Tomei decisões por mim mesma, mesmo quando todos ou a maioria era contra, não liguei. Aprendi a me respeitar;

– Aprendi que família e amizade verdadeira pode ser confuso, estressante, complicado. Mas não tem preço, e são as coisas mais valiosas que você pode ter;

– Aprendi que se você for firme, e seguir nas suas convicções, você não precisa da aprovação de ninguém para ser feliz. Mas que quando você percebe isso, a aprovação vem, e você se sente infinitamente mais leve;

– Aprendi que meu coração é um lugar particular, enorme, aberto, feliz, e ao mesmo tempo pequeno, apertadinho e transbordando de quase lotado. Mas sempre cabe mais um. Ou não!;

– Aprendi a estar perto, mesmo longe;

– Aprendi muitas coisas mais, mas acho que essas foram as mais importantes.

 

Pois bem, esse foi meu resumão de 2011… Que venha 2012 com tudo que promete, muitas tristezas (pois só assim damos valor às alegrias), muitas batalhas (para que possamos ser muito vitoriosos), e, não pode faltar, muito brigadeiro!!!!!!

 

Um brinde de coca-cola (que pode ou não conter álcool) a 2012!

 

Bjks!

Posted in Sem categoria